Entidades Académicas

24 de Maio de 2010 / 3 Comentários Bookmark and Share

Sendo o processo de recolha de contributos dinâmico e interactivo, contamos que, caso a sua entidade não conste desta lista e queria participar, contribua através da página (contributos) e mencione esse mesmo facto.

Sempre que o contributo seja recepcionado será disponibilizado na área de contributos, no menor tempo possível.

Pedidos de Contributo – Entidades Académicas

  • Academia da Força Aérea
  • Academia Militar
  • Escola do Serviço de Saúde Militar
  • Escola Nacional de Saúde Pública – Universidade Nova de Lisboa
  • Escola Naval
  • Escola Superior de Ciências e Tecnologia (Viseu) – Universidade Católica Portuguesa
  • Escola Superior de Desporto de Rio Maior – Instituto Politécnico de Santarém
  • Escola Superior de Enfermagem – Sede
  • Escola Superior de Enfermagem Angra do Heroísmo
  • Escola Superior de Enfermagem Bissaya Barreto
  • Escola Superior de Enfermagem da Cruz Vermelha Portuguesa de Oliveira
  • Escola Superior de Enfermagem da Imaculada Conceição
  • Escola Superior de Enfermagem da Madeira
  • Escola Superior de Enfermagem de Beja – Instituto Politécnico de Beja
  • Escola Superior de Enfermagem de Coimbra
  • Escola Superior de Enfermagem de Ponta Delgada
  • Escola Superior de Enfermagem de S. Vicente Paulo
  • Escola Superior de Enfermagem de Santa Maria
  • Escola Superior de Enfermagem de Vila Real
  • Escola Superior de Enfermagem do Dr. Ângelo da Fonseca
  • Escola Superior de Enfermagem Dr. José Timóteo Montalvão Machado
  • Escola Superior de Enfermagem Pólo Cidade do Porto
  • Escola Superior de Enfermagem Pólo D. Ana Guedes
  • Escola Superior de Enfermagem S. Francisco das Misericórdias
  • Escola Superior de Enfermagem S. João de Deus
  • Escola Superior de Saúde – Instituto Politécnico de Beja
  • Escola Superior de Saúde – Instituto Politécnico de Bragança
  • Escola Superior de Saúde – Instituto Politécnico de Guarda
  • Escola Superior de Saúde – Instituto Politécnico de Leiria
  • Escola Superior de Saúde – Instituto Politécnico de Portalegre
  • Escola Superior de Saúde – Instituto Politécnico de Santarém
  • Escola Superior de Saúde – Instituto Politécnico de Setúbal
  • Escola Superior de Saúde – Instituto Politécnico de Viana do Castelo
  • Escola Superior de Saúde – Instituto Politécnico de Viseu
  • Escola Superior de Saúde – Universidade de Aveiro
  • Escola Superior de Saúde – Universidade Fernando Pessoa
  • Escola Superior de Saúde Atlântica – Universidade Atlântica
  • Escola Superior de Saúde da Cruz Vermelha Portuguesa
  • Escola Superior de Saúde de Faro – Universidade do Algarve
  • Escola Superior de Saúde de Lisboa Pólo Artur Ravara (Escola superior de Enfermagem)
  • Escola Superior de Saúde de Lisboa Pólo Calouste Gulbenkian (Escola superior de Enfermagem)
  • Escola Superior de Saúde de Lisboa Pólo Francisco Gentil (Escola superior de Enfermagem)
  • Escola Superior de Saúde de Lisboa Pólo Maria Fernanda Resende (SEDE) (Escola superior de Enfermagem)
  • Escola Superior de Saúde de S. José de Cluny
  • Escola Superior de Saúde do Alcoitão
  • Escola Superior de Saúde do Instituto Piaget – Macedo de Cavaleiros
  • Escola Superior de Saúde do Instituto Piaget – Silves
  • Escola Superior de Saúde do Instituto Piaget – Vila Nova de Gaia
  • Escola Superior de Saúde do Vale do Ave – Instituto Politécnico de Saúde do Norte
  • Escola Superior de Saúde Dr. Lopes Dias – Instituto Politécnico de Castelo-Branco
  • Escola Superior de Saúde Egas Moniz
  • Escola Superior de Saúde Ribeiro Sanches
  • Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Coimbra – Instituto Politécnico de Coimbra
  • Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa – Instituto Politécnico de Lisboa
  • Escola Superior de Tecnologia da Saúde do Porto
  • Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação – Universidade do Porto
  • Faculdade de Ciências e Tecnologia – Universidade de Coimbra
  • Faculdade de Ciências e Tecnologia – Universidade do Algarve
  • Faculdade de Ciências Humanas e Sociais – Universidade do Algarve
  • Faculdade de Ciências Médicas – Universidade Nova de Lisboa
  • Faculdade de Ciências Sociais – Universidade Católica Portuguesa
  • Faculdade de Educação e Psicologia (Porto) – Universidade Católica Portuguesa
  • Faculdade de Engenharia – Universidade Católica Portuguesa
  • Faculdade de Farmácia – Universidade de Coimbra
  • Faculdade de Farmácia – Universidade de Lisboa
  • Faculdade de Farmácia – Universidade do Porto
  • Faculdade de Filosofia – Universidade Católica Portuguesa
  • Faculdade de Medicina – Associação de Antigos Alunos da Faculdade de Medicina de Lisboa – Universidade de Lisboa
  • Faculdade de Medicina – Universidade de Coimbra
  • Faculdade de Medicina – Universidade do Porto
  • Faculdade de Medicina da Universidade do Porto – Serviço de Higiene e Epidemiologia
  • Faculdade de Medicina Dentária – Universidade de Lisboa
  • Faculdade de Medicina Dentária – Universidade do Porto
  • Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação – Universidade de Coimbra
  • Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação – Universidade de Lisboa
  • Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação – Universidade do Porto
  • Instituto de Ciências Biomédicas de Abel Salazar – Universidade do Porto
  • Instituto de Ciências da Família – Universidade Católica Portuguesa
  • Instituto de Ciências Sociais – Universidade de Lisboa
  • Instituto de Educação e Psicologia – Universidade do Minho
  • Instituto de Higiene e Medicina Tropical – Universidade Nova de Lisboa
  • Instituto Superior D. Afonso III
  • Instituto Superior da Maia – ISMAI
  • Instituto Superior de Agronomia – Universidade Técnica de Lisboa
  • Instituto Superior de Ciências da Saúde – Norte
  • Instituto Superior de Ciências da Saúde – Sul
  • Instituto Superior de Ciências da Saúde Egas Moniz
  • Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa – ISCTE
  • Instituto Superior de Ciências Empresariais e do Turismo
  • Instituto Superior de Estudos Interculturais e Transdisciplinares – Instituto PIAGET (Almada)
  • Instituto Superior de Estudos Interculturais e Transdisciplinares – Instituto PIAGET (Viseu)
  • Instituto Superior de Línguas e Administração de Bragança
  • Instituto Superior de Línguas e Administração de Leiria
  • Instituto Superior de Línguas e Administração de Vila Nova de Gaia
  • Instituto Superior de Psicologia Aplicada
  • Instituto Superior de Psicologia Aplicada de Beja
  • Instituto Superior de Saúde do Alto Ave
  • Instituto Superior Manuel Teixeira Gomes
  • Instituto Superior Miguel Torga
  • Instituto Superior Técnico – Engenharia do Ambiente, Biotecnologias, Biomedicina
  • Universidade Autónoma de Lisboa Luís de Camões
  • Universidade da Beira Interior – Departamento de Psicologia e Educação
  • Universidade da Beira Interior (Medicina)
  • Universidade da Madeira
  • Universidade de Évora
  • Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro
  • Universidade do Minho (Medicina)
  • Universidade Dos Açores – Ponta Delgada
  • Universidade Fernando Pessoa – Unidade de Ponte de Lima
  • Universidade Internacional da Figueira da Foz
  • Universidade Lusíada
  • Universidade Lusíada (Porto)
  • Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias
  • Universidade Lusófona do Porto
  • Universidade Portucalense Infante D. Henrique

Comentar Envie a um amigo Subscrever Imprimir Voltar ao Topo

3 comentários sobre “Entidades Académicas

Comentar ou contacte-nos via Twitter @pns

  1. Gostava só de referir que não tinha analisado objectivamente o comentário do Prof. Doutor José Medina. Mas de facto, após ler mais atentamente, propõe também que haja o tal envolvimento intersectorial e sensibilização das pessoas na sua tomada de decisões, que quanto a mim, constitui o cerne da promoção da saúde e da adopção de estilos de vida saudáveis.

    Cumprimentos cordiais!

  2. É fundamental haver um envolvimento intersectorial na promoção da saúde da nossa população e a colaboração das instituições que promovem a investigação, como as Escolas/Institutos/Faculdades é vital nesse processo.

    Iniciativas pontuais ou descontextualizadas de um enquadramento promotor da capacidade de tomada de decisão dos cidadãos não será o mais adequado na prevenção da doença, como referiram no post anterior.

    Parece-me importante haver a criação de equipas especializadas na promoção da saúde nos vários quadrantes da sociedade, dotados de um know-how possibilitador de efectivamente melhorarem os conhecimentos e capacidades de saúde.

    É certo que essa deva ser uma missão de todos nós, mas os enfermeiros estão na posição chave para liderar projectos de promoção de saúde, e nomeadamente de educação para a saúde. Dever-lhes-ia ser concedido mais espaço para intervenção comunitária, por exemplo nas USF’s. Eu penso que esse será um caminho natural de evolução da nossa profissão.

    Só um pequeno apontamento, nas instituições mencionadas falta a Escola Superior de Enfermagem do Porto (resultante da fusão da ESE Ana Guedes, Cidade do Porto e de uma outra que não está mencionada, mas que teve uma grande tradição e impacto naquilo que é hoje a escola, a ESCOLA SUPERIOR DE ENFERMAGEM DE S.JOÃO).

  3. A obesidade e a diabetes têm uma prevalência tão elevada e em crescimento que necessitam de um combate permanente, não só dos profissionais de saúde mas também da população em geral.
    Porque é que a prevalência continua a aumentar?
    Há que identificar, realmente, as causas e atacá-las na sua origem. A falta de conhecimento sobre a forma de prevenir a obesidade e a diabetes tipo 2 deve ser uma das razões que é passível de ser atenuada; para isso será importante obter o apoio da comunicação social, das escolas, das empresas, dos sindicatos, das instituições, etc para promoverem sessões de esclarecimento que justifiquem as medidas a tomar em matéria de identificação de risco e de medidas concretas, práticas para iniciar esse combate. Devemos seguir o velho provérbio português que diz\\\” água mole em pedra dura tanto dá até que fura\\\”. Porque não criar um DIA DE ALERTA mensal ou trimestral ou semestral para combater a obesidade e a diabetes tipo 2? Nesse dia seriam promovidas várias iniciativas de esclarecimento e de prática de actividades de exercício físico, de educação alimentar e de aconselhamento a vários níveis.Devem ser criadas equipas de profissionais de saúde voluntários, para implementar estas tarefas de foram continuada.
    o PNS deve ser divulgado e explicado aos cidadãos.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*