Evolução dos Indicadores do PNS 2004-2010

2 de Fevereiro de 2011 / Sem Comentários Bookmark and Share

pnsEm Dezembro de 2010, foi editado pelo Alto Comissariado da Saúde (ACS) um documento com os valores mais recentes dos indicadores do Plano Nacional de Saúde 2004-2016, “Evolução dos Indicadores do PNS 2004-2010”.

Alguns indicadores apresentados dependentes do Inquérito Nacional de Saúde (INS) para os quais existiu apenas um momento de recolha de informação, durante a vigência do PNS 2004-2010. São eles: a auto-apreciação negativa do estado de saúde; o consumo diário de tabaco; o consumo de alguma bebida alcoólica nos últimos 12 meses; o excesso de peso; e a obesidade.

No intuito de colmatar esta lacuna de informação, o ACS e o Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, I.P (INSA) celebraram um protocolo para a realização de um estudo que permitisse estimar os valores actuais destes indicadores, na população residente em Portugal Continental, utilizando a amostra de famílias ECOS.

A metodologia utilizada para estimar os valores actuais destes indicadores dependentes do INS (amostra de famílias ECOS) foi realizado inquéritos por entrevista telefónica, de Janeiro a Março de 2010 e de Outubro a Novembro de 2010. Esta amostra aleatória é constituída por 1077 Unidades de Alojamento, contactáveis por telefone fixo e móvel. A amostra foi estratificada e distribuída de forma homogénea pelas cinco Regiões NUT II do Continente. Em cada agregado, foi inquirido apenas um elemento com 18 ou mais anos que prestou informação sobre si próprio. Para os indicadores em que se considerou possível recolher dados por proxy (consumo de álcool e tabaco), o inquirido prestou também informação sobre os restantes elementos do agregado que tivessem 15 e mais anos de idade.

Sendo a amostra e o método de recolha distintos dos utilizados no INS, não são directamente comparáveis as estimativas obtidas através de cada um destes instrumentos. No entanto, a repetição anual do inquérito ECOS permitirá obter uma nova série de dados para estes indicadores, que de outro modo só seriam avaliados em 2013 com a realização do 5º Inquérito Nacional de Saúde.

O indicadores do PNS 2004-2016 estão descritos segundo as seguintes áreas:

  • Nascer com saúde
  • Crescer com segurança
  • Uma juventude à procura de um futuro saudável
  • Indicadores dependentes do inquérito nacional de saúde
  • Uma vida adulta produtiva
  • Indicadores dependentes do inquérito nacional de saúde
  • Um envelhecimento activo
  • Indicadores dependentes do inquérito nacional de saúde
  • Doenças neoplásicas
  • Doenças cardiovasculares
  • Doenças infecciosas
  • Doenças mentais
  • Traumatismos
  • Sistema de saúde
  • Acessibilidade ao medicamento
  • Saúde escolar
  • Nota metodológica

Visualize:

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*