Cuidados de Saúde, até na sexualidade

11 de Fevereiro de 2011 / Sem Comentários Bookmark and Share

Contributo enviado por Augusto Küttner de Magalhães, 09/02/2011

OpiniaoDe facto a educação sexual neste País, parece que não está a funcionar. Muitos dizem não ser necessária, dado que todos nascemos para, e com sexualidade.

Como é evidente não é assim tão linear, dado que todos os animais, nascem “arquitectados” para reproduzirem-se, para a espécie não acabar.

Mas nós, seres humanos, sendo racionais e emocionais, e por vezes não usando devidamente estas qualificações, não sabendo bem comportamo-nos sexualmente, ALGO que têm uma componente de prazer, de amor, e pode ou não ter também a vertente reprodutora. Tudo bem assumido..

Sendo evidente que não devemos ficar todos iguais e muito menos sermos programados, devemos ter a certeza de que a vida sexual se deve viver/fazer sempre com afecto, com carinho, e por vezes “isto” ensina-se e apreende-se.

E não acontecendo, a saúde ressente-se e muito, seja a nível físico , seja a nível psicológico, bem como da procriação não planeada.

Logo, é um tema importante, e deve ser abertamente falado, até, uma vez mais!!!!! na nossa comunicação social que gasta tanto tempo a informar o que nada interessa. Mas haja sempre qualidade, competência e eficiência no informador…..

Augusto Küttner de Magalhães

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*