Opinião: Formação e Investigação PRECISA-SE

28 de Julho de 2010 / Sem Comentários Bookmark and Share

Contributo enviado por Ondina Rabaça e Delmira Pombo, Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Setúbal, 23/06/2010

OpiniaoÀ luz de um dos objectivos traçados no novo PNS para 2011-2016:

– A elaboração de um instrumento de envolvimento dos profissionais de saúde na melhoria contínua da qualidade e do seu desempenho (…) e tendo como ponto de partida o princípio 1i) da base II da Lei de Bases da Saúde:

– É estimulada a formação e a investigação para a saúde, devendo procurar-se envolver os serviços, os profissionais e a comunidade.

Apraz-nos dizer que sendo este um objectivo concreto do novo plano e também um princípio contemplado na lei de bases da saúde, deverá ser uma área a investir e a desenvolver. Tendo em conta que a formação específica dos profissionais enriquece o seu desempenho, contribuindo de forma directa nos ganhos em saúde quer do indivíduo, quer da comunidade.

Delmira Pombo e Ondina Rabaça (enfermeiras a frequentar o curso de pós-licenciatura em enfermagem médico-cirúrgica da ESS – IPS)

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*