Opinião: Indicações para Ganhos em Saúde

26 de Julho de 2010 / Sem Comentários Bookmark and Share

Contributo enviado por Ana Campos Reis, 14/06/2010

OpiniaoDe acordo com a solicitação proposta, juntamos as seguintes indicações:

  • Promover uma grande aposta nos cuidados de saúde primários, principalmente a nível da educação para a saúde em escolas, com equipas de investigação para a saúde avaliando as necessidades e colmatando-as com programas adequados
  • Desenvolvimento dos cuidados continuados (diminuição dos custos hospitalares)
  • Optimizar os custos de Saúde
  • Compatibilizar ordenado pago com efectividade de serviço. Não pagar a quem não produz
  • Assumir a rede de cuidados paliativos com a correspondente libertação de camas dos hospitais e inerente diminuição do custo da cama destas pessoas (cama hospital mais cara que cama cuidados paliativos)
  • Assumir o rácio adequado do Centro de Saúde. A cada profissional a sua função. Há competências ao nível de cuidados de Saúde primária, há muitas actividades que podem e devem ser assumidas por Enfermeiros (nomeadamente especialistas) e não por médicos. De igual forma as tarefas auxiliares deveriam ser assumidas por auxiliares não onerando excessivamente os actos praticados, e diminuindo assim os custos por utente.
  • Encontrar formas de controlar os desperdícios e a correcta gestão dos stocks
  • Além obviamente de só recorrer ao serviço público quem está credenciado para isso
  • Assegurar Sistemas de Gestão da Qualidade em todos os serviços
  • Assegurar sistemas de informação integrados e funcionais

Ana Campos Reis (Directora de Unidade, Santa Casa da Misericórdia de Lisboa)

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*