Artigos com o rótulo ‘Contributos’

Opinião: Educação para a Saúde na Escola

24 Jan 2011 / 1 Comentário

José Precioso, da Universidade do Minho, refere que através dos programas de Educação para a Saúde deve-se preparar o aluno para que, ao deixar a escola, seja capaz de cuidar da sua própria saúde e da dos seus semelhantes e sobretudo, adoptar um estilo de vida que comporte o objectivo do que hoje em dia chamamos de saúde positiva.

Utilidade e Relação Custo/Serviços Prestados nos SMFR

17 Jan 2011 / Sem Comentários

A utilidade e relação custo/serviços prestados nos Serviços de Medicina Física e Reabilitação nos dias de hoje é o tema em debate no contributo enviado pelo profissional de saúde João Santos. É sugerido como uma das 4 medidas de acção fiscalizar e avaliar a produtividade e os resultados de cada serviço.

Opinião: O PNS 2011-2016 como instrumento de mudança

2 Jan 2011 / Sem Comentários

Miguel Galaghar, da Ordem dos Médicos, refere que o Plano Nacional de Saúde, enquadrado nos valores da universalidade, justiça social, equidade, solicitude e solidariedade com vista a maximizar os ganhos em saúde da população através do alinhamento e integração de esforços sustentados de todos os sectores da sociedade, deverá ser considerado como “nosso”.

Opinião: Empreendedorismo e Inovação em Saúde

27 Dec 2010 / Sem Comentários

Casimiro Dias, da Organização Mundial da Saúde, menciona no seu contributo que o propósito da avaliação dos sistemas de saúde é de permitir aos decisores e investidores acompanhar os progressos conseguidos ao longo do tempo, e tomar as medidas necessárias, permitindo assim justificar investimentos em saúde com valor acrescentado.

Opinião: O contributo dos psicólogos para o PNS

22 Dec 2010 / Sem Comentários

Telmo Mourinho Baptista, Bastonário da Ordem dos Psicólogos Portugueses, menciona que conseguir mais ganhos de saúde para os portugueses deve ser uma preocupação de todos os agentes promotores de saúde, que darão origem a vários níveis de resultados, entre eles melhores indicadores de saúde, como benefícios económicos da intervenção dos psicólogos.

Opinião: O Cidadão no Centro do Sistema de Saúde

15 Dec 2010 / Sem Comentários

A DECO – Associação Portuguesa Para a Defesa do Consumidor refere que a sua articulação com o Plano Nacional de Saúde 2011-2016 poderá ocorrer a diferentes níveis, em que a perspectiva do paciente/ consumidor de serviços de saúde/ cidadão seja essencial para garantir o esforço permanente de centrar o sistema de saúde no cidadão.